/ Notícias / Projeto vovôs e vovós conectados segue contribuindo para melhoria da qualidade de vida dos idosos

Projeto vovôs e vovós conectados segue contribuindo para melhoria da qualidade de vida dos idosos

Publicado em

O projeto de extensão, que já fazia um trabalho de inclusão digital com os idosos de Astorga-PR antes da pandemia por COVID-19, continua produzindo e veiculando materiais nas mídias sociais que visam socializar conhecimentos sobre prevenção da transmissão, prática de atividade física e outras atividades para fazer durante o período de isolamento.

Sob a coordenação da professora Adriana Martins Gallo e colaboração dos professores Cristiano Schebeleski Soares, Juliana Francis Piai e Simone Roecker, o perfil do Instagram @idoso.conectado e o grupo de Whatsapp são diariamente alimentados com artes preparadas visando orientar os idosos sobre prevenção de doenças e promoção da qualidade de vida.

Os posts que tratam da prevenção abordam tanto doenças infecciosas, como o COVID-19 e a dengue, como doenças crônicas não transmissíveis tais como a hipertensão arterial.

Também é dada uma atenção especial sobre o risco de depressão durante o período de isolamento. Assim, as postagens fornecem dicas sobre atendimento profissional e material sugerem diversas atividades que os idosos podem desenvolver sem sair de casa.

A atividade física também não fica de fora. Sendo um elemento importantíssimo na qualidade de vida, além de ser abordado nas postagens sessões de exercícios são veiculadas por vídeo para que os idosos possam acompanhar.

Atualmente, além do Instagram, 45 idosos são atendidos via Whatsapp. Os interessados em interagir, podem obter mais informações pelo Direct do Instagram ou pelo e-mail adriana.gallo@ifpr.edu.br


Leia mais

Topo